PUBLICIDADE

Aldeia Ofaié em Três Lagoas-MS

Valdinei Ofaié na Aldeia Enodi Ofaié (H. Veiga, 2010)
PUBLICIDADE

Opaié ou Ofaié, é o nome que estes indígenas dão a si mesmos, e Xavante é o nome que receberam dos neo-brasileiros e sertanejos. 

Ora usado no singular, ora usado no plural. Foram chamados de “Shavante” por viverem numa região de vegetação do tipo savana, com predomínio de vegetação rasteira e árvores de pequeno e médio porte, umas das características do cerrado sul-matogrossense. 

Os Ofaiés viviam onde hoje se localizam as cidades de Três Lagoas, e Brasilândia.

Eles eram de estatura pequena e tímidos e distinguem-se dos Guaranis pelos dados mitológicos e pelo fato de vaguearem, de preferência, pelos campos, em vez de levarem, como os Guarani, uma vida essencialmente sedentária de lavradores da terra arrancadas à selva. 

Um Relatório recente da Funai os caracterizou assim: Os Ofaié são grandes, cara redonda, cabelos negros e lisos, pele escura.

Pelos freqüentes contatos, muitas vezes hostís, que travaram com os Kaiowá, ao longo dos anos, nas margens dos rios, aprenderam o fabrico de canoas. 

De cinco mil pessoas, foram quase que totalmente dizimados. Hoje, os sessenta Ofaiés restantes residem em uma pequena reserva, sem recursos hidrográficos, no município de Brasilândia.

Com a ajuda do pesquisador e advogado Carlos Alberto Santos Dutra, os Ofaié no momento lutam para conseguir de volta para eles a terra que lhes foi tomada por Arthur Hoffig.

Fontes: http://dutracarlito.vilabol.uol.com.br/ e http://pt.wikipedia.org/wiki/Ofai%C3%A9s

PUBLICIDADE