O ano de 2017 foi, sem dúvidas, de muita vitória para o vôlei de areia três-lagoense. Ao longo dos meses, as duplas formadas por Aninha e Victoria Lopes ou Aninha e Carol viajaram para diversos estados do Brasil e em todas as viagens trouxeram medalhas nas malas.

No último final de semana não foi diferente. Aninha e Carol foram a Brasília nos Jogos Escolares da Juventude (COB). As jogadoras venceram duplas de Espírito Santo, Ceará, São Paulo, Alagoas, Sergipe, Santa Catarina, Mato Grosso, Paraíba, Rio Grande do Norte, Paraná e Rio de Janeiro e acabaram como campeãs invictas.

Para a treinadora Ana Rita Muniz, o planejamento explica o sucesso: “Foi feito um planejamento a longo prazo com objetivo final: o título e conseguimos. Mesmo com outras competições ao longo do ano, 2017 está sendo um ano de colheita dos frutos”, disse a técnica.

Na manhã desta quarta-feira (22), Aninha embarcou para Manaus - AM, onde se juntará a Victoria Lopes - outra atleta formada em Três Lagoas, mas que hoje mora em Sergipe – para a disputa do Circuito Banco do Brasil Sub 19. “Elas jogam por pódio ou até primeiro lugar”, observou Ana Rita.

Após os jogos no estado do Amazônia, Carol e Vitória Lopes vêm direto para Três Lagoas onde disputarão o “Festival de Praia” que será realizado no Balneário Municipal “Miguel Jorge Tabox” nos dias 8, 9 e 10 de dezembro.

ATLETISMO

O Município de Três Lagoas também foi representado nos Jogos Escolares da Juventude pelo atletismo. Na ocasião, a atleta Nathalia Felipe ficou entre as 10 primeiras colocadas na prova do lançamento de disco com a marca de 35.99. Sua melhor marca do ano. “Resultado muito bom, pois estavam participando as melhores do Brasil”, avaliou o Professor Reynaldo, treinador de Nathalia.

BADMINTON

Os praticantes do Badminton também foram a Brasília para os jogos do COB. O Mato Grosso do Sul foi representado na categoria masculina e feminina, sub 17, por Três Lagoas. Foi a primeira participação dos jogadores treinados pelo Professor Roney Ferreira de Araújo. Na ocasião, Cleiton Junior e Maria Aline chegaram a fase de oitavas de final e foram derrotados para os estados de Piauí e Minas, respectivamente.

XADREZ

A enxadrista Flavia Hassegawa contou uma boa participação nos Jogos. A competidora de Três Lagoas ficou com o quarto lugar e, por muito pouco, não saiu campeã. Uma vitória separou Flavia do primeiro lugar. No ano passado, a três-lagoense foi vice-campeã da mesma competição. “Foi por muito pouco. Ela é uma aluna muito dedicada e poderia ter saído com o primeiro lugar”, explicou a Professora Maria Cirilo.

LUTA DE BRAÇO

Outro esporte que trouxe um excelente resultado para casa foi a Luta de Braço. Os 17 atletas três-lagoenses que viajaram para Bonito no último final de semana – quantidade reduzida de competidores – conquistaram o vice-campeonato. A equipe venceu os times de Campo Grande, Sidrolândia, Rio Brilhante, Guia Lopes, Laguna e Nioaque, perdendo apenas para o time da casa de saiu com o título.