A vacina contra gripe está liberada para toda população de Mato Grosso do Sul. Em Campo Grande, postos estão com filas para imunização. Na unidade do bairro Tiradentes, a procura é tanta que até o auditório é usado como sala de vacinação.

A vacina foi liberada em Mato Grosso do Sul porque o estado foi um dos que não atingiu a meta de vacinação contra a gripe. Apenas 69,68% do público-alvo foi imunizado, segundo o Ministério da Saúde, até este domingo (4).

De acordo com a assessoria do governo do estado, a vacina vai estar disponível até sexta-feira (9). A Secretaria do Estado de Saúde (SES) vai pedir aos municípios as informações sobre as metas atingidas para saber sobre o restante das doses.

A partir do levantamento, cada município terá de fazer a solicitação das doses da vacina.

A meta mínima era atingir 80% dos grupos de risco, mas nenhum no estado chegou a esse número. O grupo das crianças até 5 anos atingiu 63,40% mesmo tendo registrado uma morte de um bebê de 1 ano por H3N2 no dia 30 de março deste ano.

Outro grupo que chamou atenção foi dos trabalhadores da saúde que teve 66,89% de adesão. Os idosos foram os mais participativos com 77,88% de cobertura vacinal no estado.

Trabalhadores antecipados
Os feirantes, comerciantes do camelódromo, taxistas e mototaxistas devem ser vacinados até este fim de semana, segundo divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) de Campo Grande.

Esses trabalhadores podem procurar os Centros Regionais de Saúde até o domingo (4) e devem apresentar comprovação de que exercem as funções citadas, como alvará, registro profissional na Carteira de Trabalho ou inscrição no sindicato ou associação de classe.

Os CRSs Nova Bahia, Tiradentes, Aero Rancho, Coophavila II e Unidade Básica de Saúde (UBS) Coronel Antonino estarão atendendo hoje das 7h30 às 11h e das 13h às 17h.

Fonte: G1.com.br